Número de leitos nos hospitais estaduais cresceu de 1,9 mil para 3 mil

Em entrevista à rede Bandeirantes de televisão nesta quinta-feira (11/11), o secretario de Saúde do Estado, Sérgio Côrtes, falou sobre a atual situação dos hospitais no Rio de Janeiro.

Segundo o secretário, esforços tem sido feitos para melhorar a situação da saúde no estado e a superlotação dos hospitais é um sinal de que mais pacientes estão sendo atendidos. Ele cita que quando assumiu, havia 1900 leitos no estado, hoje são mais de 3000. O número de internações também cresceu, eram 30 mil e hoje são 90 mil.

- Nós acolhemos todo mundo. Nós criamos uma coisa chamada “acolhimento”, ou seja, nós garantimos que o paciente será atendido – disse Sérgio Côrtes.

O secretário também falou sobre as Unidades de Pronto Atendimento (UPA), que atendem diariamente mais de 10 mil pacientes. O projeto surgiu da necessidade de um posto de saúde que funcionasse 24 horas e que estivesse perto da população. Atualmente existem 42 UPAs em funcionamento e a previsão é que o número chegue a 70 em todo o estado.

Créditos à Subsecretaria de Comunicação Social

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos