Profissionais da Prefeitura de Lisboa estão no Rio para ministrar aulas sobre o calçamento em pedras portuguesas

A Prefeitura do Rio iniciou na tarde desta segunda-feira, dia 8, o Curso de Formação de Mestres Calceteiros. A aula inaugural foi realizada no Arquivo Geral da Cidade, na Cidade Nova, e reuniu a turma com 60 alunos calceteiros. Eles terão aulas com cinco mestres portugueses, que trabalham na Prefeitura de Lisboa e estão no Rio para ministrar o curso sobre a arte e a técnica do calçamento em pedras portuguesas.

O secretário municipal de Conservação e Serviços Públicos, Carlos Roberto Osorio, representando o prefeito Eduardo Paes, e o secretário municipal do Trabalho e Emprego Augusto Ribeiro, abriram a aula inaugural ao lado do representante da Prefeitura de Lisboa, Fernando Fernandes, da diretora do Arquivo da Cidade, Beatriz Kushnir, e do professor de Arquitetura e Urbanismo da UFRJ, Cristóvão Duarte.

- Espero que vocês sejam os replicadores no Rio de Janeiro para as futuras gerações dessa arte tão importante para a nossa cidade. Esse ato é uma demonstração de carinho com o Rio e com aqueles que ajudam a cuidar da cidade- disse Osorio.

O Rio de Janeiro possui 1,2 milhão de metros quadrados de calçamento em pedras portuguesas. O objetivo da Prefeitura do Rio é formar uma nova geração de calceteiros e garantir a qualidade do assentamento de pisos em pedra portuguesa na cidade. Hoje existem 80 calceteiros trabalhando na manutenção do calçamento no município do Rio.

De acordo com Osorio, a partir de março de 2011 a Prefeitura realizará esse curso regularmente:

- Estamos hoje nesse curso requalificando 60 calceteiros que trabalham nas ruas. Mas, o mais importante é que estamos formando oito mestres, que estarão a partir de março do ano que vem dando aula no curso de formação de novos calceteiros.

Esses 60 alunos realizarão o treinamento de restauro no calçamento do Largo do Machado. A mesma turma também executará com pedras portuguesas um desenho no calçamento de passagem, em Botafogo, para o Shopping Rio Sul.

O secretário Augusto Ribeiro também falou sobre a importância desse curso para a cidade do Rio de Janeiro:

- Com este curso o Rio forma um quadro de competentes profissionais, de uma arte que a cidade precisa para preservar sua identidade urbanística.

Na ocasião, foram lançados os novos equipamentos e uniformes que serão usados pelos calceteiros no Rio.



Créditos à PMRJ

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos