SECRETARIA DE SAÚDE MONTA CENTROS DE HIDRATAÇÃO EM SÃO GONÇALO

A Secretaria de Saúde (SES-RJ) vai montar dois Centros de Hidratação em São Gonçalo, que começam a funcionar na próxima quinta-feira (22). Juntas, as unidades têm capacidade para atender cerca de 600 pacientes por dia.

Lá, os pacientes com suspeita da doença vão passar por uma consulta prévia para fazer a classificação de risco e, após avaliação médica, encaminhados às poltronas de hidratação. Além de receber soro, os pacientes também vão poder fazer exames de sangue, para conferir o número de plaquetas, e testes rápidos de dengue.

Os Centros de Hidratação vão ficar na Rua Estefanio de Carvalho s/nº, no Centro, e na Rua Eugênio Borges s/nº, no Polo Sanitário Rio do Ouro.

A possibilidade de haver uma epidemia em 2012, levando em conta a ação do vírus tipo 1 e entrada do tipo 4 no estado, levou a SES-RJ a reforçar a estratégia de combate à dengue. Um grupo de trabalho, coordenado pela Subsecretaria de Vigilância em Saúde, faz reuniões semanais desde março deste ano para determinar as ações estratégicas e monitorar o trabalho de cada um dos 92 municípios.

O combate à dengue envolve ainda várias secretarias de Governo, como Educação, com um trabalho voltado às crianças e jovens; Obras, com o monitoramento das intervenções em execução para que não tenham focos do mosquito; e Meio Ambiente, que irá intensificar a fiscalização dos ferros velhos e utilizar pneus velhos na montagem de asfaltos borrachas, entre outros.

Campanha “10 Minutos Contra a Dengue - Esta é a campanha lançada pela Secretaria de Estado de Saúde como o tom do alerta para evitar o alarme neste verão 2011/2012, sendo uma importante ferramenta de conscientização para a necessidade de todos se engajarem no combate ao foco do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. O objetivo é estimular a população a investir 10 minutos da semana eliminando possíveis criadouros em suas casas, já que o ambiente doméstico concentra 80% dos focos.

A iniciativa da campanha - elaborada em conjunto com a Fundação Oswaldo Cruz/Fiocruz - foi inspirada em uma das estratégias adotadas pelo governo de Cingapura para controlar o Aedes aegypti, conseguindo interromper a epidemia que o país enfrentava entre 2004 e 2005.

Balanço da dengue - Até a 49ª semana epidemiológica de 2011 (que vai de 2 de janeiro a 10 de dezembro), foram notificados 165.794 casos de dengue no Estado do Rio de Janeiro. Em janeiro, foram notificados 5.767 casos; em fevereiro, foram 17.272; em março, 32.319 casos; em abril, 52.929 casos; em maio, foram 36.969; em junho, foram 10.319; em julho, 3.103 casos; em agosto, 1.416 casos; em setembro, foram 1.347 casos; em outubro, 1.785 casos; em novembro, 2.149 casos e, em dezembro, 419 casos.


No período, foram registrados 137 óbitos, nas seguintes cidades: Angra dos Reis (4), Barra Mansa (3), Belford Roxo (2), Bom Jesus de Itabapoana (1), Cabo Frio (2), Campos dos Goytacazes (3), Casimiro de Abreu (1), Duque de Caxias (9), Itaboraí (1), Itaguaí (1), Itaocara (2), Itaperuna (1), Japeri (3), Macaé (1), Magé (3), Maricá (2), Mesquita (3), Niterói (1), Nova Iguaçu (8), Paraíba do Sul (1), Pinheiral (1), Rio das Ostras (3), Rio de Janeiro (51), São Gonçalo (16), São João de Meriti (6), São José do Vale do Rio Preto (1), São Pedro da Aldeia (1), Valença (2) e Volta Redonda (4).

Créditos à Subsecretaria de comunicação social RJ

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos