Hospital Souza Aguiar ganha novo centro cirúrgico

A Prefeitura do Rio inaugurou nesta sexta-feira, dia 18, o novo centro cirúrgico do Hospital Souza Aguiar, principal referência da cidade no atendimento a grandes emergências. As dez salas foram reformadas, modernizadas e receberam novos equipamentos. A central de esterilização também passou por intervenções, adequando o fluxo de material estéril para o centro cirúrgico. O investimento total foi de R$ 1,81 milhão.

A reforma durou seis meses e foi realizada pela RioUrbe, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Obras. Os dois ambientes do hospital se tornaram mais modernos e com melhores condições para receber os pacientes. Antes da intervenção, duas das dez salas do centro cirúrgico estavam fechadas, sem condições de uso.

As obras incluíram a informatização do centro cirúrgico e a revisão de toda a rede elétrica e hidráulica e de gases medicinais, recuperação do forro em gesso, troca do piso (incluindo algumas áreas específicas que receberam impermeabilização), instalação de novo sistema de ar condicionado e pintura em geral. Além disso, foram instaladas bancadas, prateleiras, armários e tanques e as portas de todo o setor foram substituídas por novas. Foram feitas também melhorias nas áreas técnicas, como vestiários, dando mais conforto para os profissionais.
O secretário municipal de Saúde e Defesa Civil, Hans Dohmann, falou sobre a importância da reforma do novo centro cirúrgico para o atendimento aos pacientes:



- É um centro cirúrgico vital para a cidade do Rio de Janeiro, em um hospital de referência e o segundo maior da América Latina. As dez salas foram recuperadas e modernizadas, com equipamentos novos, com fluxo novo, controle eletrônico de marcação de cirurgias e de procedimentos, entrada controlada, enfim, o que há de mais moderno para uma boa prática cirúrgica. O espaço agora está nos padrões dignos das pessoas serem atendidas, impactando diretamente no trabalho dos profissionais. Com tudo isso, o hospital passa agora a ter uma capacidade cirúrgica maior - afirmou.

O centro cirúrgico contará com novos carrinhos e focos cirúrgicos, além de implantação de acesso eletrônico a partes do setor, como vestiários e rouparia. O setor está recebendo também um novo aparelho de Arco Cirúrgico (Arco em C), que é capaz de fazer raios-x em tempo real, em uma tela, durante os procedimentos. A marcação e acompanhamento dos mapas cirúrgicos foram informatizados, passando a ser monitorados por meio de painéis de LCD. Desta forma, toda nova marcação ou alteração passa a ser acompanhada online pelos profissionais do setor. As melhorias e mudanças nos fluxos de material vão proporcionar mais qualidade e segurança nas cirurgias de alta complexidade, feitas constantemente no hospital.
Todas as intervenções foram feitas sem a interrupção do serviço do centro cirúrgico, que funcionou parcialmente. O Souza Aguiar faz em torno de 500 atendimentos diários e realiza mensalmente cerca de 700 cirurgias nas especialidades Urologia, Cirurgia Geral, Pediátrica, Neurocirurgia, Ortopedia, Vascular, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Bucomaxilofacial, Cirurgia Plástica e de Tórax.

Recentemente outros setores do hospital foram reformados como o Centro de Tratamento de Queimados (CTQ), Unidade Transfusional, Diálise, Patologia Clínica e os reservatórios de água.

Créditos ao site da PMRJ

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos