Casa de Oliveira Vianna tem apresentação gratuita de teatro

A Secretaria de Estado de Cultura, através da Superintendência de Museus, apresenta na próxima quinta-feira (16/12), às 15h30, o espetáculo teatral “Fatias de Vida”, no Museu Casa de Oliveira Vianna. A peça , que faz parte do Projeto Teatro no Museu, divide-se em duas encenações: a primeira, “Em Algum Lugar”, trata-se de um monólogo criado pela atriz Talita Catarino e a segunda, “Simplesmente, Joana” é uma obra criada coletivamente pelo próprio grupo de teatro. A entrada é franca.
Grupo ArteSempre

O Grupo ArteSempre leva espetáculos para espaços como museus, escolas e universidades. O grupo, formado há quatro anos, desenvolve atividades com o intuito de incentivar a cultura, o lazer e, ainda, despertar o interesse do público pela leitura. As peças têm o propósito de mostrar a realidade por meio da ficção, resgatando valores e retratando lições de vida.

A companhia é formada por Alda Calvert, Izadora Terra, Fernando Leitão, Talita Catarino, Margot Braga e Fernando Batista. A produção é assinada pelo ator Jorge Freitas e a direção geral, fica a cargo do cineasta Heraldo Portella.

Segundo Portella, o público pode esperar muitas novidades nessa parceria com a Casa de Oliveira Vianna:

- O nosso grupo trabalha com adaptações de obras clássicas, espetáculos infantis, monólogos e criações coletivas. Para o próximo semestre de 2011, nós estamos preparando um festival de monólogos onde cada ator da companhia apresentará um texto de autor consagrado. A Casa de Oliveira Vianna vai ser uma das pioneiras a receber este novo projeto.

O Museu Casa de Oliveira Vianna fica na Alameda São Boaventura, 41, no Fonseca, em Niterói. Informações: 3601-8220 e casaoliveiravianna@gmail.com A Casa

Ao entrar na casa onde viveu o jurista, escritor e jornalista Oliveira Vianna (1883-1951), os visitantes têm um encontro com a história do Brasil do século XX. Adquirida pelo Estado do Rio de Janeiro em 1955, a residência centenária foi transformada em um centro de pesquisas sobre temas relacionados às Ciências Sociais. Em 2011, a Casa completará 100 anos de existência.

Na casa-museu, os pesquisadores têm a oportunidade de explorar o amplo acervo formado por 25 mil itens, entre publicações, artigos de jornais, manuscritos, anotações em fichários, ensaios, mobiliários, medalhas, condecorações e objetos de uso pessoal de Francisco José de Oliveira Vianna. A biblioteca da casa de cultura é uma atração à parte para o público interessado em Sociologia e Direito.

Créditos à SEC-RJ

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos