Filme Rio - Rio Film Comission assina contrato para a filmagem de Amanhecer

A Filme Rio- Rio Film Commission, parceria do Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura (SEC), com a prefeitura do Rio de Janeiro, pela RioFilme, e a produtora americana Summit Entertaiment assinaram contrato nesta segunda-feira (08/11), no cine Roxy, na zona sul do Rio, para as filmagens da Crepúsculo: Amanhecer que acontecem na cidade e em Paraty. O filme , o último da série, é dirigido por Bill Condon, escrito por Melissa Rosemberg e produzido por Wyck Goldfrey, Karen Rosenfeld e Stephenie Meyer, ee strelado pelos atores Kristen Stewart e Robert Pattinson.
O acordo foi celebrado entre o presidente da Filme Rio - RioFilm Comission, Steve Solot; o presidente da RioFilme, Sergio Sá Leitão, a Superintendente de Audiovisual da SEC, Julia Levy; o diretor Bill Condon e o produtor Wyck Goldfrey; as produtoras brasileiras,Isabelle Tangi, da Zohar Cinema, e Walkíria Barbosa, da Total Entertaiment ; além de Sandi Adamiu, da distribuidora Paris Filmes, responsável pela distribuição da série no país.

As filmagens de Amanhecer no Rio começaram no último final de semana no bairro da Lapa, zona central da cidade, e devem ser finalizadas nesta semana, em Paraty, na Costa Verde do estado. A expectativa é de que essas filmagens gerem recursos da ordem de US$ 3 milhões na economia da cidade e cerca de 500 empregos, entre profissionais de cinema e figurantes.

Para Steve Solot, presidente da Filme Rio-Rio Film Commission, a realização de Amanhecer no estado reforça a imagem do Rio de Janeiro como cenário mundial para produções audiviosuais.

- Assim, consolidam nossa posição de polo internacional de audiovisual, pois além de termos locações privilegiadas ainda estamos capacitados tecnicamente e contamos também com a simpatia e colaboração do povo carioca. – frisou ele, informando que outras importantes produções do exterior estão em negociação para rodar no Rio de Janeiro nos próximos meses.

Segundo dados da Filme Rio-Rio Film Commission, a criação da entidade possibilitou um aumento expressivo do número de produções estrangeiras de cinema, TV e publicidade feitas na cidade e no estado. No primeiro semestre deste ano, foram 54 produções do exterior, contra 42 do segundo semestre de 2009.

Amanhecer exibirá pelo menos dois “postcards shots” do Rio de Janeiro – tomadas de pontos marcantes.

Já o presidente da RioFilme, Sergio Sá Leitão, acredita que a realização de filmes do porte de Amanhecer traz muitos benefícios para o Rio de Janeiro, principalmente na atração de recursos, além de maximizar e promover uma imagem positiva da cidade no Brasil e no exterior.

- Depois de Amanhecer e de Velozes e Furiosos, filmado também no Rio, na semana passada, o nosso estado se firma como o maior póoo de cinema do país – declarou Leitão, informando que a atividade gera 30 mil empregos diretos na cidade e que, em 2009, 55% dos filmes nacionais lançados foram feitos pro empresas do Rio. Ainda segundo Sérgio as filmagens de Velozes e Furiosos devem injetar na economia da cidade cerca de US$ 2 milhões.

O diretor do filme, Bill Condon, e o produtor Wyck Goldfrey, agradeceram o apoio do governo do estado e da prefeitura do Rio para a realização de Amanhecer e manifestaram otimismo com os rumos do trabalho.

- É muito importante e prazeroso para nós fazermos este trabalho no Rio de Janeiro. Tivemos todos os incentivos necessários. Estávamos esperando por isso há muito tempo. A escritora Stephenie Meyer pensou no Rio como local para a história, e estamos satisfeitos de estarmos aqui, contou o diretor do filme, Bill Condom.

créditos à sec-rj

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos