Angra dos Reis tem maior cifra de vendas ao exterior, superando cidades como o própio Rio e todas as cidades de São Paulo

Um total de 50 municípios brasileiros, ou menos de 1% do total do país, responderam por aproximadamente 60% das exportações brasileiras nos primeiros dez meses deste ano, quando o país vendeu ao exterior o equivalente a US$ 163,309 bilhões.

Angra dos Reis

O volume exportado por esses 50 municípios somou US$ 96,140 bilhões (58,8% da cifra total). Segundo as estatísticas do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, o município com maior cifra de vendas ao exterior foi Angra dos Reis (RJ), com exportações de US$ 6,894 bilhões no período de janeiro a outubro deste ano.

Em segundo lugar, Parauapebas (PA) teve US$ 6,120 bilhões em exportações, ainda conforme o Ministério. São Paulo surge em terceiro lugar, com exportações de US$ 5,186 bilhões, seguido por Itabira (MG), com US$ 4,737 bilhões e Santos (SP), com US$ 4,107 bilhões.

Na ponta inversa, São Paulo foi o município com o maior volume de importações (US$ 11,4 bilhões). Em segundo lugar veio Manaus (US$ 9,2 bilhões) e logo em seguida, o Rio de Janeiro, com US$ 5,7 bilhões.

ESTADOS

O Estado com o maior volume de exportações no período de janeiro a outubro foi São Paulo, com embarques de US$ 42,4 bilhões, seguido por Minas Gerais (US$ 24,9 bilhões), Rio de Janeiro (US$ 14,8 bilhões), Rio Grande do Sul (US$ 12,9 bilhões) e Paraná (US$ 11,8 bilhões).

Em termos de importações, São Paulo volta a aparecer no topo da lista, com um volume de US$ 55,7 bilhões) em compras externas. Na segunda posição vem o Rio de Janeiro (US$ 13,6 bilhões), Paraná (US$ 11,3 bilhões) e Rio Grande do Sul (US$ 109, bilhões).

0 comentários:

below feature ads

Conferência e eventos